• 20150324_102736
  • 20150324_104619
  • 20150324_110919

Olá Divas! Novamente, a editora Novo Conceito me enviou o início de mais um livro: A Playlist de Hayden. Recebi os 8 primeiros capítulos dessa história que promete muito mistério, drama e amor, escrita por Michelle Falkoff. Estou muito feliz pela editora estar botando fé no meu trabalho, pois aqui no Belle Diva eu estou escrevendo um pouco sobre tudo, até de livros (o que, por sinal, estou amando).

Logo depois que eu fiz este post, a editora me enviou o livro inteirinho e já li ele!

20150324_102626

Sinopse:

“Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola – o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente.

Enquato ouve música por música, deixada por Hayden,  Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava.

A Playlist de Hayden é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, ssobre encontrar esperaçã quando essa parte parece ser a mais difícil.”

A Trama:

Sam Hayden eram melhores amigos. Ambos eram nerds e amavam ouvir música, embora eles tivessem algumas diferenças que, de vez em quando, o faziam discutir sobre o assunto. Hayden sofria bullying e sempre fazia tudo o que os pais dele falavam (para evitar atrito), até que um dia ele decide tirar a sua própria vida, dentro de sua casa. Quando Sam encontrou seu amigo morto, percebeu também que havia um pendrive no chão, juntamente com uma folha que estava escrito: ‘Para Sam. Ouça. Você vai entender’. A partir daí, Sam tenta ouvir as músicas do pendrive e descobrir exatamente o que aconteceu com o seu amigo naquela noite.

O Protagonista:

Ele é um cara nerd, que ama música e jogos online. Gosta de RPG e, assim como Hayden, adora Star Wars. Percebemos então que nosso protagonista era um tanto quanto diferente do que normalmente é rotulado em livros.

Personagens Secundários:

Hayden: Ele é praticamente um protagonista pois o nome dele é constantemente citado na trama.

Astrid: É uma garota bem alternativa e que começa a conviver com Sam, sempre participando, de alguma forma, da vida dele.

Arquimago_Ged: Alguém que se passa pelo nick do Hayden e diz ter coisas que podem ajudar Sam a descobrir o que ocorreu com o Hayden.

A Leitura:

Adorei o jeito como a história é escrita, fácil e com muitos flashbacks que temos que ficar atentos para saber se é no presente ou no passado mesmo. Cada capítulo que inicia traz uma música que tem na playlist dele. Há pouquíssimos palavrões, então não é considerado um linguajar vulgar. Entendo que a necessidade desses palavrões sejam uma forma da leitora deixar claro que são, nada mais nada menos que adolescentes. O cenário está sempre mudando: escola, casa do Sam, loja, casa do Hayden… Há uma explosão de sentimentos girando em torno do Sam, e eles estão em constante mudança, o que faz a gente entrar nessa vibe junto.

O que eu achei sensacional é que o nome de cada capítulo é uma música real, e a essência desse capítulo gira em torno da letra dessa música, embora a letra não esteja disponível no livro. Eu acredito que esse livro tenha sido apenas bom. Logo quando recebi os primeiros capítulos eu acreditava que ele possuía um grande potencial de sucesso, porém, depois dos 6 primeiros capítulos a trama começou a focar em outros acontecimentos e a procura do que aconteceu na verdade com o Hayden, ficou em segundo plano.

Se você se interessou pelo livro A Playlist de Hayden, comente aqui 🙂

Tags: , ,