Ontem eu vi uma coisa que me tocou e irei contar à vocês.

Fui almoçar no Monet Plazza Shopping, e eu fui comer no lugar aqui, não sei como se escreve mas vou tentar: Macheronne. Eles servem uma comida bem boa e o kg não é muito barato, mas nem muito caro. Sentei para comer e tal, e chegaram um homem seu filho e sua filha pra comerem lá, estavam com roupas sujas, rasgadas, precárias, olheiras, cabelo descabelado, dava para perceber que eram pessoas de baixíssima renda.

Mas o que eu fiquei reparando foram nas pessoas ao redor, passavam e olhavam de um jeito, dava para ver que eles tavam pensando ‘O que essas pessoas tão fazendo aqui? Eles tem como pagar? Como isso pode acontecer?’ eu me apavorei. As pessoas nem um pouco delicadas e constrangendo a família. Eu estava sentada uma mesa atrás deles, sentada de frente pra eles e presenciando tudo. A família tava feliz junto, e isso o que importava, eles estavam comendo, podiam estar matando, roubando, se drogando, mas não, estava apenas saciando sua fome.

A mãe pagou a conta, e eles vieram na fila atrás da gente, e entregaram um dinheiro enrolado em um papel pardo, cheia de notas de valor pequeno, devem ter conseguido de algum modo com um trabalho árduo, com certeza não roubaram nem nada do que as pessoas pensavam.

Mas o que mais importa é que eles usaram o dinheiro de forma consciente, e isso é o de mais importante, o que todas pessoas deveriam perceber, como eu percebi. Eu e a mãe comentamos sobre isso depois de almoçarmos, não na frente deles ou perto, como outras pessoas mal educadas faziam. Não importa com quem seja, é muito feio isso.

Bom, quiz postar sobre isso hoje, porque achei interessante levantar sobre esse assunto aqui no blog, ainda mais hoje em dia que algumas pessoas têm uma visão diferente do mundo.

  • Carol Massad

    Nossa, *—*’ parabéns, o post ficou lindo, voce é boa em comover pessoas; e é isso mesmo que aconte hoje em dia, é um pena! :S

  • é mesmo, que bom que eu consigo fazer algumas pessoas terem consciência do que acontece no mundo *-*

  • Jaques Arnauld

    Aparencia não é nada ^^

  • tainá

    Temos q adr graças a Deus todos os dias por naujm sermos ignorantes e por termos condições de viver.é isso oq importa.